O Colégio Thaiane Pinheiro -CTP promoveu atividades, na sexta-feira passada, 08 de abril, para conscientizar e alertar a comunidade sobre como realizar ações preventivas para se proteger do mosquito aedes aegypti. O CTP acredita que uma educação sustentável envolve também as dimensões de saúde e qualidade de vida. Por isso, essas ações educativas fazem parte do seu Projeto Político Pedagógico.

As crianças do Ensino Fundamental I – 3o., 4o. e 5o. ano, participaram de uma caminhada de mobilização pelo combate ao mosquito. A Coordenadora Cláudia Cristina Gonçalves ressaltou que ” a melhor maneira de combater esse mal é atuando de forma preventiva, impedindo a reprodução do mosquito.” Por isso, estudantes e professores caminharam pelo bairro com cartazes educativos, produzidos pelas crianças, alertando a população.

Na mesma sintonia, as crianças da Educação Infantil também participaram de atividades educativas, como forma de orientação e prevenção contra o mosquito. As professoras apresentaram uma peça teatral, utilizando mosquitos confeccionados com materiais recicláveis. Aline Maia, Coordenadora da Educação Infantil, diz que “o objetivo dessa ação é reforçar o alerta sobre a importância da prevenção. E acrescenta que a atividade parte do princípio de que “conscientizar a comunidade e combater o mosquito é um dever meu, seu e de todos!”

IMG-20160410-WA0045 (2)

De acordo com o Ministério da Saúde, Cerca de 75% das escolas brasileiras participaram da Semana de Mobilização da Família e Comunidade na Escola pelo combate ao Aedes aegypti e o zika, realizada de 4 a 9 de abril. Palestras, gincanas, teatro e a elaboração de cartazes e folders foram algumas das diversas atividades lúdico-pedagógicas realizadas nas escolas públicas e privadas do País para sensibilizar a população.

Veja aqui um folheto educativo do Ministério da Saúde para ficar livre desse mal:

0001

0002

Veja também um vídeo do Ministério da Saúde sobre o combate ao mosquito aedes e a zika, criado especialmente para as crianças:

https://www.youtube.com/watch?v=6ih7CD-Xg6k&feature=youtu.be

Redação do Viva Sustentável