Pensamento Semente:  Promovemos a cultura local, o resgate e a preservação de antigos saberes. Valorizamos novas expressões culturais como base para o fortalecimento da cultura na comunidade.


“Onde há Paz, há Cultura; Onde há Cultura, há Paz.”

“Respeitar a vida e a diversidade, ouvir o outro para compreendê-lo, preservar o planeta e  redescobrir a solidariedade” são atitudes que fazem parte da Cultura de Paz, segundo a ONU.

O artista plástico russo, criador do Pacto da Paz e da Cultura, Nicholas Roerich, afirma que “onde há paz, há cultura e onde há cultura, há paz.”. Este pensamento norteia os projetos do Ecobairro. Wassily Kandinsky, artista russo considerado o pai da abstração no campo das artes visuais,  afirma que a arte é a única linguagem que a alma consegue entender.

 As formas de expressão artística como pintura, música, poesia, teatro, dança, fotografia, entre outras, são encorajadas e apoiadas pela ecovila para que os talentos e as habilidades de cada integrante sejam desenvolvidos na comunidade. De acordo com o pensamento-semente das ecovilas, as atividades artísticas, celebrações, festivais, entre outras nessa área, devem sustentar a “vitalidade cultural de uma comunidade. A criatividade e as artes são vivenciadas como expressão da unidade da comunidade e sua inter-relação com o mundo”, apontou May East em aula.

Durante a realização do Projeto Sementes para um bairro sustentável os participantes tiveram a oportunidade de se expressar por meio das artes, interagindo com o grupo. O objetivo foi trabalhar o conceito ampliado de cultura, a cultura individual e grupal e a bagagem cultural de cada um, considerando aquelas porções ainda ocultas ou adormecidas. Esses aspectos desconhecidos ou esquecidos incluem dons e talentos que anseiam emergir e serem expressos, e evidenciam comportamentos que não queremos mais.

Todos nós temos uma bagagem biológica e cultural, que carregamos desde que chegamos neste  planeta e que vai se enriquecendo com o que aprendemos na escola, nos grupos sociais, com a família, etc. Com essa bagagem somos capazes de interagir em todos os lugares onde vamos, mesmo sem nos darmos conta.

Mais informações acesse o GUIA SEMENTES PARA UM BAIRRO SUSTENTÁVEL E PACÍFICO