Este foi o tema que o Ecobairro apresentou no Seminário EDUCAR PARA O CUIDADO: CUIDANDO DE SI, DO OUTRO E DA CASA COMUM, nesse sábado, 16 de julho de 2016, realizado pelas Obras Assistenciais Comunitária da Vila de Acupe, no Centro Cultural Dom Helder Câmara no distrito de ACUPE na Cidade de Santo Amaro.

IMG-20160718-WA0004

Num auditório com mais de 120 jovens entre 8 e 19 anos, Paullo Santos falou sobre os desafios atuais da humanidade nas esferas social, ambiental e econômica, e como cada faixa etária enxerga o mundo, o que o Ecobairro chama de Ciclo da Vida: ECOINFÂNCIA, ECOJOVEM E ECOMATURIDADE. Saber comunicar-se com essas diversas idades, assim como promover um diálogo intergeracional é um desafio para todos nós que queremos educar, porque o chamado para um mundo sustentável é para todas as idades.

Além de buscar o equilíbrio entre as dimensões social, ambiental e econômica para uma educação que contemple o desenvolvimento sustentável, não podemos perder de vista o maior desafio ambiental do planeta que são as mudanças climáticas, e para isto é urgente mudar nossos hábitos para um estilo de vida sustentável.

d3b20678-0385-404c-84d7-fcbc3d7c738e

O Ecojovem Jefferson Santana, do Colégio Estadual Teotônio Vilela, abordou sobre como SER SUSTENTÁVEL, porque se não formos sustentáveis não seremos coerentes com a vida, e mostrou ao grupo ali reunido a diferença entre uma pedra bruta e uma pedra lapidada, comentando: “quando não nos dedicamos a ser sustentáveis, somos como uma pedra bruta e feia, e agora estamos nos lapidando aprendendo tudo isso, para em breve sermos uma bela pedra lapidada”, enfatizou. Concluiu sua apresentação com um belo texto de Walt Disney sobre acreditar nos sonhos!

Em seguida, como programação do Seminário EDUCAR PARA O CUIDADO: CUIDANDO DE SI, DO OUTRO E DA CASA COMUM, aconteceram oficinas com os jovens sobre:
• Valorização do corpo – com Joselice Evangelista
• Reaproveitamento de alimentos – com Maria de Lourdes Galvão
• A arte de reciclar – com Josecks Pinho e
• Música – com Marco Borges.

Finalizou-se o Seminário com a apresentação do resultado das oficinas de forma encantadora, quanto a criatividade aflorou nos jovens com tanta intensidade que eles apresentaram verdadeiras obras de arte com seus talentos. E um grande show musical com músicas compostas pela juventude presente, para a consciência de amar a natureza, fechou o encontro com chave de ouro, e a música até agora toca em nossos corações com um chamado único de amar a toda criação.

Redação do Viva Sustentável