Nesse sábado, 07-11, os Ecojovens do Colégio Estadual Teotônio Vilela – CETV reuniram-se com o Ecobairro, num clima muito especial, aliás, mudar o clima é o atual desafio ambiental em que vivemos.

Reflexões

Buscar uma vida sustentável na área urbana não é fácil, nos distanciamos muito da natureza e de suas origens, vivemos num mundo industrializado que nos faz sermos apartados das nossas origens. O grupo reunido refletiu sobre o exemplo da cultura indígena, um modelo de comunidade que valoriza a natureza, utiliza o que é necessário, cuida da saúde, tem expressões artísticas culturais e conexão com o sagrado – uma vida sustentável. Foi lembrada uma frase ouvida recentemente: precisamos ser índios de tribos urbanas, dita pelo Secretário de Meio Ambiente de Feira de Santana, Dr. Roberto Tourinho.

Cada um começou a perceber que ser Ecojovem é um estado de espírito, é outro nível de consciência, que independe de idade física, pois há pessoas idosas que são eternamente joviais, trazem alegria e vontade de aprender e mudar o sistema vigente. Cada um começou a pronunciar EU SOU ECOJOVEM e percebeu-se que essa é uma atitude que vem do CORAÇÃO, não da mente, até porque a mente mente.

20151107_114408

Absorver os conhecimentos é importante, mas não aplicá-los é incoerente. Por isso os índios dizem: homem branco fala e não faz. Com esse desafio internalizado, os Ecojovens fizeram vivência de não deixar a bola cair, num clima de alegria e atenção, visando à união de todos, assistiram vídeos sobre o apelo das Nações Unidas para que todos se envolvam na consolidação dos OBJETIVOS DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, os quais estabelecem metas até 2030 para que os países possam assegurar uma vida digna para as futuras gerações.

Um vídeo marcante foi sobre o que significa UBUNTU, uma expressão africana que nos mostra que só somos fortes se pensarmos e incluirmos o outro, o nós. Esse gesto de inclusão e compaixão faz com que sintamos a necessidade do outro e erradiquemos o egoísmo. Após todos refletirem sobre o UBUNTU, chegou-se à conclusão de que não devemos pronunciar EU SOU ECOJOVEM e sim NÓS SOMOS ECOJOVENS!!!

20151107_121633

Uma alegria coletiva tomou conta do grupo e fez acender uma chama no coração dos Ecojovens, que não irão permitir nenhum tipo de desunião e viverão na prática do UBUNTU.

Tivemos ainda alegria de ter a participação de uma mãe, Dona Dora – que tem quatro filhos estudando na Escola, e assumiu o papel de Mãe Natureza para cuidar dos Ecojovens e ainda com a possibilidade de trazer outras mães para que tenhamos um movimento forte de Mães Natureza – iniciado na celebração do Dia das Mães no CETV de 2015, que teve como tema Natureza de Mãe – Mães Natureza, essas mulheres que sabem educar e cuidar não só dos seus filhos, mas também de todos os seres e recursos da natureza.

Para completar, recebemos a ilustre visita do ex-estudante do CETV Alexandre, que foi morar em outra cidade e pretende voltar para o CETV no próximo ano. Esse Ecojovem talentoso, cantor, compositor e músico, apresentou músicas que inspiraram a todos, fazendo ativar nossos corações para pronunciarmos juntos: NÓS SOMOS ECOJOVENS!

Ação

Na metodologia do Ecobairro, uma vez absorvido o conhecimento, é hora de aplicarmos no indivíduo, na sua casa/escola, quarteirão ou condomínio e no bairro. Com o objetivo de ajudar em um dos itens da Ecologia, foi escolhida uma ação para ser desenvolvida em casa e depois aplicar na escola com o tema ÁGUA:
1. Fazer uma avaliação da conta de água para analisar o consumo, não só no aspecto financeiro, mas também no volume de consumo;
2. Colocar um balde sob o corpo durante o banho e depois reutilizar a água no vaso sanitário ou em outros fins não potáveis;
3. Reaproveitar a água da lavagem de louças e de roupas e
4. Verificar as diversas possibilidades de uso sustentável desse bem precioso para apresentar a experiência no próximo encontro.
Os Ecojovens têm um compromisso de aplicar o conhecimento fora e dentro da escola, sua sala de aula é a cidade, numa busca constante de coerência em todas as idades.
Venha participar desse movimento ousado de protagonismo juvenil sustentável e curta nossa página www.facebook.com/vivasustentavel.eco.br
NÓS SOMOS ECOJOVENS!!!

Redação Viva Sustentável