Nessa quarta-feira, 15 de abril de 2015 – outono, no Parque Erivaldo Cerqueira, nasceu o NOSSA FEIRA SUSTENTÁVEL, que é uma parceria do ECOBAIRRO com a Prefeitura Municipal de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Recursos Naturais. Várias partes do mundo neste dia celebram a assinatura do Tratado Internacional de União Cultural com a adoção da Bandeira da Paz e Cultura.  No Brasil aconteceram eventos em São Paulo, Salvador, Aracaju, Viçosa, Vitória do Espirito Santo e em NOSSA FEIRA. O evento de nascimento foi regido pela Educação e a Cultura e a plateia foi formada essencialmente por jovens, a futura geração.

Por que dia 15 de abril?

Porque neste dia completam-se 80 anos da assinatura do Tratado Internacional de União Cultural que institui o uso da Bandeira da Paz e Cultura, quando 21 países, incluindo o Brasil, assinaram um documento em que se comprometem em proteger e preservar o patrimônio cultural, tanto em épocas de guerra como de paz. Mais informações acesse www.roerich.org.br

Por que num Parque?

Porque o Ecobairro inclui a dimensão de preservar e proteger o patrimônio natural. Como podemos cuidar do patrimônio cultural se não cuidamos do patrimônio natural? A ideia de preservar e proteger a natureza inclui o ser humano, hoje tão aviltado pela violência nas esferas psicológicas, mentais, emocionais e físicas, o que dificulta a expressão do seu potencial criativo. Um parque é um símbolo na área urbana de preservação e de convivência entre os seres humanos e os outros reinos da natureza.

Por que regido pela Educação e Cultura?

Educação é a forma de preparar o ser humano para ser  inteligente e criativo, para ser agente de Cultura. A Cultura é  produto de uma educação integral. A palavra Cultura em seu significado vem de “culto a ur” cultivo de luz. Portanto, a Cultura é a expressão máxima do gênio criativo do ser humano. A Bandeira da Paz e Cultura tem como mote: “Onde há paz, há cultura; onde há cultura, há paz.” A cultura é o ser. Vivemos numa sociedade do ter que nos trouxe a esta condição. É importante que primeiro sejamos para depois termos, ou seja, o ter a serviço do ser.

O Evento

A Prefeitura

O Secretário do Meio Ambiente Dr. Roberto Tourinho, representando o Prefeito, enfatizou em sua fala a importância da parceria com o Ecobairro para ajudar a tornar Feira Sustentável. Portanto, a Prefeitura de Feira de Santana dará todo apoio nessa direção. E uma das ações importantes é ajudar na concepção de um Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Sustentável, quando Feira de Santana será modelo de crescimento ordenado, integrando os princípios do desenvolvimento sustentável, para fazer parte da rede internacional de cidades sustentáveis.

A Cultura

Com a participação de representantes da Cultura de nossa Cidade, os cantores e compositores Asa Filho e Sandro Penelu, e o jovem Jonatas Moreno, cantaram músicas inspiradoras para alimentar nossas almas com criatividade e beleza para o sucesso do NOSSA FEIRA SUSTENTÁVEL.

A Bandeira da Paz e Cultura

Foi hasteada no Parque Erivaldo Cerqueira a Bandeira da Paz e Cultura, símbolo internacional de preservação e proteção do patrimônio natural e cultural, dando início, portanto, ao cumprimento do Tratado Internacional de União Cultural em nossa Cidade. A primeira Bandeira, em Feira de Santana, foi hasteada no Colégio Estadual Teotônio Vilela – CETV, em 21 de setembro de 2013 – Dia Internacional da Paz, quando o CETV lançou com o ECOBAIRRO o Programa Semeando a Paz para o Cultivo de um Ambiente Sustentável.

ECOJOVENS DE FEIRA DE SANTANA

O Ecobairro em sua Pedagogia da Mãe, atua adaptando sua linguagem de sustentabilidade para as diversas faixas etárias, o que chamamos de CICLO DA VIDA: Ecoinfância, Ecojovens e Ecomaturidade.

Os Professores do Colégio Estadual Teotônio Vilela, do Colégio Thaiane Pinheiro – CTP e da Escola Municipal Lions de Itapororocas levaram estudantes para participarem de  uma aula inaugural sobre Educação Sustentável. Também estiveram presentes estudantes da UEFS que atuam no PIBID de música.

O CETV abordou a Educação Sustentável alicerçada na proposta do Ecobairro que tem um modelo de governança de baixo para cima, a mudança que começa no Indivíduo, na Casa, no Quarteirão/Condomínio e no Bairro. Além disso trouxe a ampliação de nossa visão de mundo, mostrando a importância de tornar o mundo sustentável a partir da Astronomia. O Lions apresentou a importância de uma economia solidária para preservação do nosso patrimônio cultural: a escola. O CTP através de um jovem estudante, falou  da importância de fazermos uma cidade sustentável a partir de um equilíbrio social, ambiental e econômico, apresentando propostas e perguntando como aplicar isso em sua escola.

O Departamento de Educação Ambiental da Secretaria do Meio Ambiente, através da equipe presente, falou sobre a importância da Educação Ambiental nas Escolas e distribuiu para todos a CARTILHA AMBIENTAL, já fazendo parceria com todos os colégios envolvidos no encontro para ajudar na dimensão ambiental das escolas.

No final foi passado um dever de casa para os estudantes: todos se reunirem em suas escolas para mobilizar a comunidade escolar e fazer um projeto de intervenção para apresentar na Conferência Estadual da Juventude na Semana do Meio Ambiente.

NOSSA FEIRA DE SANTANA SUSTENTÁVEL começa já criando o MOVIMENTO ECOJOVEM na CIDADE!!!

Parabéns Cidade de FEIRA DE SANTANA, por pronunciar NOSSA, pois só vamos consolidar uma cidade sustentável quando entendermos esta frase: EU NÃO, NÓS!!!