O Ecobairro de Feira de Santana reuniu nucleadores e convidados no sábado, 24-10, na sede dos Jesuítas, para realização do Retiro da Primavera, com o tema “Conversão Ecológica”, inspirado na Encíclica Laudato Si.

O local escolhido para o Retiro, dotado de uma fantástica biodiversidade, proporcionou o contato com a natureza e favoreceu os silêncios, os diálogos e as reflexões sobre o tema.

20151024_115150

20151024_130225

20151024_115049

Participando ativamente conosco desse encontro, o Padre Arnaldo presenteou o grupo com um poema, sobre o qual ele modestamente nos diz: “Vocês são os autores, eu sou apenas o relator”.

20151024_164502

De forma bela e poética, o poema “Conversão Ecológica” traz um panorama de tudo que foi abordado durante aquele dia, à luz da Encíclia Laudato Si e do Evangelho:

A Conversão Ecológica

Na praia de nosso corpo
Se banha a Espiritualidade
É a partir do meu “Eu”, o interior,
Que nós tocamos o Universo

Sem a pessoal decisão
O meu jeito de vida não muda
E o planeta se deteriora
Como o cidadão na “Papuda”

Se a casa pega fogo
Urge a água esparramar
Ma quem vive a inteligência
Procura se preparar

Os sintomas estão aí
Mas estamos na invisibilidade
Somente com a conversão
Ganhamos sensibilidade

A Conversão Ecológica
é o coração da Encíclica
E um golpe curador
Na nossa situação crítica

O consumismo é a arma
Que fere no peito a Terra
A sobriedade é o remédio
Que esta novela encerra

Sem a luz que vem do Alto
Caminhamos na cegueira
Quando o cego se levanta
É a decisão de ver, que nos tira a viseira

Se ainda tenho ouvidos
Os olhos não faltam tanto
Onde se aninha a Esperança
Cresce a força que levanta

Quando Deus pára e nos olha
Já não é pra mim que o faz
O seu gesto é pra multidão
Faminta e sedenta de Paz!

Deus não cura um só enfermo
Ele a todos dá firmeza
A ação do Céu nos liberta
Com sua Graça e Beleza

Padre Arnaldo Lima Dias

Por: Redação do Viva Sustentável