Hoje, 05 de junho, é o Dia Mundial do Meio Ambiente! Um dia para refletir sobre o cuidado com você e com o outro, com sua casa, sua rua, sua escola, seu quarteirão ou condomínio, seu bairro, sua cidade….enfim, seu planeta, seu universo!

Transcrevemos abaixo, com inspiração nesse tema, o poema produzido pela Professora Maria da Conceição Oliveira Lopes, atual diretora do Colégio Estadual Teotônio Vilela – CETV, com o título “PROCURA-SE UM PLANETA”. O CETV está trabalhando os projetos artísticos este ano, com o tema “O universo que há em mim”.

Procura-se um planeta

Procura-se um planeta
De homens de coração puro
Onde a inocência das crianças
Não se perca por entre os
becos e muros

Procura-se um planeta
Onde os olhos infantis
Contemplem as estrelas cadentes
Do céu de azul anil
Tão cheios de esperança
De crescer sendo criança

Procura-se um planeta
Onde a mulher, respeitada,
raiz e folha frondosa
seja base e seja lume
Admirada, cintilante
No reino da nebulosa

Procura-se um planeta
Onde todos sejam iguais
Ser humano e natureza
Convivendo em grande paz

Procura-se nuvens brancas
O brilho das três Marias
E a Lua de cada noite,
Que se esconde em noite fria

Onde está meu universo
Em que galáxia se escondeu?
Não sei se o mundo mudou
Ou se quem mudou fui eu

Não olho para o céu
Não contemplo o luar
Poder
Fama
Dinheiro
Progresso
Acima da ética
Escravo da estética
Polui
Mata
Desmata
Corrompe
Só tem valor quem consome
Sem nenhuma consciência
De recursos renovar

Onde está meu universo
Em que galáxia se escondeu?
O mundo que eu procuro
Está dentro do meu eu

Posso colorir o céu
Posso preservar o mar
Posso me encontrar no outro
E redescobrir o meu lar

Procura-se um planeta com gente que seja gente
Que ame, perdoe, cative
Tantas gentes do lugar